Pular para o conteúdo principal

Confira o que há de novo

Frutas cristalizadas - Casca de tangerina

Flatbread

Detém vários nomes, devido as suas várias formas de preparo ou até mesmo religião ou localidade. Um pão tão antigo, mas que é desconhecido por muitos.



Sobre o Flatbread:

    Você já ouviu falar em Flatbread? É um pão achatado, geralmente bem crocante (às vezes). Tem suas derivações pelo mundo afora. Pode ser uma tortilla ou tortilha Mexicana; pão ázimo e suas derivações Judaicas; também pode ser naan ou chapati Indiano ou ainda um pão Árabe, chamado de pita, e literalmente por aí vai. 


    Aqui no Brasil você pode usá-lo literalmente para tudo. Por levar somente farinha, água, sal e azeite (em alguns casos, vários outros temperos como ervas secas ou frescas), é uma massa extremamente versátil, principalmente para os momentos de pressa. A sua receita pode ficar ainda mais divertida se incrementada com alguns desses pãezinhos. O foco hoje em dia com a correria é o fast-food, ou seja, comida rápida. 


    Muitos Flatbreads são pães ázimos, mas ocorre de serem pães pita, que são ligeiramente fermentados, que ao receberem calor, incham. 


    Ele também é feito em outras partes do mundo, não está ligado somente a cultura árabe, judaica, indiana ou mexicana. Países da Europa, Oriente Médio, África, Ásia e Américas (Norte, Central e Sul), tem suas próprias derivações. 


    Ainda aqui no Brasil (PASMEM), a tapioca pode ser encaixada como um Flatbread, mesmo que não seja um pão. Falando ainda de Brasil e pousando no meu país Nordeste, seria esse o Bolinho de Frigideira (chapéu de couro)? Bom, infelizmente não (porém, podemos atribuí-lo a família (a tapioca é, então ele também pode ser (porque sim)).


Curiosidade histórica:


    Em [...] (as datas dos achados, podem variar dentro dos meios de comunicação), nas escavações em um sítio Natufiano (período epipaleolítico (Arábia Saudita)) restos de pães carbonizados, que datam de 14.400 a.C., 4000 mil anos antes da agricultura na região. Ainda, indicam que esse pão, atribuído ao Flatbread, era feito de cevada selvagem, trigo einkorn (detém a forma selvagem e domesticada. Há indícios de ter sido domesticado entre 10.600 a 9.900 anos antes do presente (8650 a.C. a 7950 a.C.)), aveia e Bolboschoenus glaucus (não há tradução para o português). O pão era assado em pedras quentes ou cinzas. 


    A cultura Natufiana, foi uma das principais responsáveis pela transição nômade e sedentária no Oriente Médio. 


    Tudo isso mostra que a espécie humana já tinha descoberto um pouco do que seria o atual pão de hoje (aprimorado no Egito Antigo com a fermentação).


Agora vamos de Brasil: 


Então, como o brasileiro já nasce com 100% de criatividade. Você pode se sentir livre para usar a abusar do seu Flatbread. 


  • Que tal uma pizza? Eu sei como é chato ficar quebrando a coluna e os braços em frente a uma bancada, descontando toda a raiva em uma massa de pão (ruim? bom? quem sabe?); 

  • Que tal um burrito? Eu sei que você já viu algum vídeo no explorar do Instagram, de pessoas entupindo um Flatbread com inúmeras coisas gostosas e ficou morrendo de vontade de fazer. Eu sei que sim. 

  • Que tal doces? Vale se culpar quando é algo gostoso. Você também pode colocar um pote inteiro de Nutella (mesmo que seja EXTREMAMENTE DOCE (o importante é ser feliz e se culpar minutos depois)) em cima do Flatbread; 


A verdade é que você pode usá-lo em tudo. Então, mãos a obra? Bora lá fazer essa coisinha gosta. 

 


Ingredientes

  • 100 gramas de farinha de trigo comum ou integral;

  • 80 mililitros de água;

  • 1 pitada de sal;

  • 15 gramas de azeite de oliva (1~2 colheres de sopa).

Modo de preparo

  1. Em uma tigela ou na própria bancada, coloque a farinha, a água, o sal e o azeite e misture bem;

  2. A consistência estará boa quando a massa não estiver mais grudando nas mãos ou na tigela, tem de ficar lisa, porém ainda firme. Dependendo da temperatura, pode ser que precise de mais água (ou menos) ou mais farinha;
  3. Não trabalhe muito a massa, não queremos que desenvolva uma rede de glúten. Sove o essencial para que todos os insumos fiquem homogêneos - cerca de 1~2 minutos
  4. Logo que estiver tudo bem misturado e uma massa bonita e firme, porém macia, é hora de fazer o seu pão;
  5. Esteja livre para fazer qualquer formato. Eu fiz 3 pães redondos, com o tamanho de 12,5 centímetros de largura, com mais ou menos 3 milímetros de altura. Quanto mais fino for o pão, mais seco ele vai ficar - sinta-se a vontade para fazer em qualquer formato ou tamanho; 
  6. Separe a massa em pedaços e as abra com a ajuda de um rolo de massas ou com as mãos, depende de qual rústico ou perfeitinho você vai querer seu pão;
  7. Logo que os pães estiverem abertos, os leve para uma frigideira antiaderente (de preferência, mas pode usar uma normal também) e os asse em fogo médio~baixo, por cerca de 5~7 minutos em cada lado; 
  8. Seu Flatbread está pronto. 

Comentários

Os Posts mais lidos

Creme de Leite Caseiro

Pudim Clássico

Quiche

Cream Cheese Caseiro

Seguidores